quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

Concursos da área fiscal exigem preparação antecipada !

Publieditorial
Concursos da área fiscal costumam atrair milhares de concorrentes – e não é para menos, uma vez que costumam oferecer algumas das melhores remunerações do setor público. Por isso mesmo, exigem preparação antecipada, para garantir um bom desempenho nas provas. Não dá para esperar pelos editais, a ordem é iniciar os estudos desde já. A Logga oferece cursos voltados especialmente para quem deseja apostar suas fichas e refinar seus conhecimentos nas disciplinas da área fiscal.


Um dos concursos mais aguardados, com chances concretas de ser publicado este ano, é o da Receita Federal. Os cargos da área fiscal acabaram sendo aqueles que tiveram mais vagas solicitadas ao Ministério do Planejamento, em comparação com outras carreiras do Ministério da Fazenda: ao todo, foram pedidas 2.083 vagas, sendo 630 para auditor-fiscale 1.453 para analista-tributário. Ambos os cargos têm requisito de ensino superior completo em qualquer área e proporcionam remuneração inicial de R$19.669,01 (para auditor) e R$11.132,21 (analista). Os valores incluem o auxílio-alimentação, de R$458.

Os últimos concursos foram abertos em 2012 (no caso de analista) e 2014 (auditor). As provas cobram conhecimentos em disciplinas como Língua Portuguesa, Espanhol ou Inglês, Raciocínio Lógico-Quantitativo, Direito Constitucional e Administrativo e Administração Geral, além de Direito Tributário, Legislação Tributária e Contabilidade – esta última matéria, um dos carros-chefe da Logga.

Professor de Direito Tributário da Logga, Sandro Mendes defende o estudo antecipado para a Receita. “Este concurso é um dos mais difíceis e disputados que existem. Se ainda não foi autorizado, melhor ainda, pois dá tempo de se preparar de forma adequada. A dica que eu dou é: foco nas disciplinas com maior peso na nota final, como Direito Tributário, Legislação Tributária e outras. Mas sem deixar de lado as de menor peso, pois se exige mínimo por matéria para ser aprovado nesse concurso. O caminho é árduo, demanda muitas horas de estudo e você acaba tendo que renunciar a muita coisa na vida. Mas depois tudo isso vai compensar e você verá que todo o esforço valeu a pena!”, apontou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário